GERAL Terça-feira, 12 de Outubro de 2021, 11:31 - A | A

aguardando alta

Mãe comemora Dia das Crianças com o filho após ele se curar de leucemia em MT

Foram quatro anos de tratamento até a notícia de que Arthur de Azevedo França, de 13 anos, está curado

G1 MT

Foto: Arquivo pessoal/Patrícia Aparecida de Azevedo

image

Arthur de Azevedo França, de 13 anos foi curado da leucemia e comemora com a mãe dele, a cabeleireira Patrícia Aparecida de Azevedo, o Dia das Crianças, nesta terça-feira (12). Ele foi diagnosticado aos 7 anos e desde então fez tratamentos intensos para se curar da doença.

A mãe começou a perceber que Arthur estava com dor nas articulações, febre e aparentava estar muito pálido. Após alguns exames, ele foi encaminhado para o Hospital do Câncer de Cuiabá para fazer uma biópsia e foi diagnosticado em julho de 2015 com Leucemia Linfoblástica Aguda (LLA).

A biópsia constatou que 32% da medula óssea de Arthur estava com a doença e ele iniciou um tratamento intenso por seis meses.

"A reação dos medicamentos eram muito fortes, ele comia muito pouco, era mais o soro que sustentava ele. Foi um sentimento de desespero no primeiro momento, mas depois eu fui acalmando mais e conhecendo sobre a doença", contou.
Durante esse período ele precisou ficar internado no hospital e fazia quimioterapia todos os dias em semanas intercaladas.

Depois dos seis meses ele entrou na fase da manutenção que ia apenas uma vez na semana e ficou dois anos nesse ritmo.

"Sempre fui confiante antes de tudo, com muita fé sempre acreditando que meu filho seria curado", contou Patrícia.
Em 2019, ele recebeu a notícia de que estava curado e que teria que ir ao hospital somente a cada seis meses para fazer exames e consultas de rotina. A mãe acredita que ele vai ter alta do hospital no ano que vem.

Segundo ela, Arthur não toma mais nenhum medicamento e fez a última biópsia em 2019.

"Para o Arthur foi tranquilo, pois ele não entendia da gravidade da doença, foi uma criança sempre risonha com tudo e a aceitação do tratamento foi bem tranquilo para ele", disse.

Entre no grupo do Semana7 no WhatsApp e receba notícias em tempo real (Clique AQUI).

ferrovia_728x90.gif

 

 



Imprimir

Comentários